weblogUpdates.ping A Minha Matilde & Cª http://www.umsonhochamadomatilde.blogspot.com/ link rel="shortcut icon" href="favicon.ico">

A Minha Matilde & Cª 

quarta-feira, março 21, 2007

Um dia em cheio ...!


Hoje é daqueles dias que podemos de chamar de "Um dia em Cheio", senão vejamos, Dia Mundial do Sono pela OMS, Dia Mundial da Infância pela UNICEF, Dia Internacional Contra a Discriminação Racial e Dia Mundial da Árvore pela ONU, Dia Universal do Teatro e Dia Mundial da Poesia pela UNESCO ...! O que não falta é motivos para festejar ...! E claro, começa também a Primavera, estação do ano que é ...

A estação libidinosa,
Plena do gosto da vida,
Imprevisível, garrida,
Lânguida e leve, goza.

Plantas, animais e gente,
Cheínhos de seiva e luz,
Erguem-se falicamente,
Ao que o destino os conduz.

Tempo de dor e prazer
Dias de sol e de chuva:
Um novo ciclo amanhece...

Sob a influência da Lua
Assim como tudo, acontece
São as sementes do ser.

"Primavera" de Mary Celeste Bueno

Junta-te a nós e envia-nos a tua poesia dedicada a um destes temas ...!

Etiquetas:

Share Subscribe
19 Comments:
Blogger leao_xxi said...

Extraordinária foto!!!!
A Primavera começou foi fria...podia ter vindo o sol e o tempo quentinho!!!!

11:22 da tarde  
Blogger Ludovicus Rex said...

Enfim, Viva Viver!
Um abraço

11:37 da tarde  
Blogger paulu said...

Olhos postos na terra, tu virás
no ritmo da própria primavera,
e como as flores e os animais
abrirás as mãos de quem te espera

Eugénio de Andrade



(e é de facto uma bela foto!)

11:41 da tarde  
Blogger looking4good said...

Excelente foto sim, sem dúvida e uma boa associação dos diferentes dias que se comemoram em 21 de Março. Respondi ao teu pedido por mail, mas a tua escolha foi boa. PS: Alguns dos links estão quebrados - é o velho problema dos acentos da lingua portuguesa :)

12:24 da manhã  
Blogger Afrodite said...

um dia mesmo em cheio!

Talvez por isso achares tão looooooonga a 'estória'

§(~_~)§ beijo da Afrodite
(uma carinha d'anjo - não desfazendo - num corpo espectacular, com tudo no sítio, muito dentro do prazo, sem aditivos nem silicones)



Nota: o teu blog está cada dia melhor !

3:14 da manhã  
Blogger Atlantys said...

Sócio segundo me disseram era também o Dia Mundial do Papel Higiénico mas desconheço a veracidade da coisa hehehe
Comemorei o Dia Mundial da Poesia lá no meu cantinho com Cesariny =)
Bjks à M&M e Cª.

9:38 da manhã  
Blogger Fábula said...

Eu gostei sobretudo desta parte:
Plantas, animais e gente,
Cheínhos de seiva e luz,
Erguem-se falicamente

eheh! ;)

10:20 da manhã  
Blogger absorbent said...

eu ontem esqueci-me disto tudo... safa, devo estar a ficar velho quando ja me consigo libertar da velha musica "uma arvore é um amigo" neste dia... q me persegue desde a infancia!

10:40 da manhã  
Blogger mystic said...

Nem parece Primavera está um grizo Grrrrrrrr.

24 horas são poucas para comemorar tanta coisa: Brindemos!!!

bjs

1:14 da tarde  
Blogger O Chaparro said...

Primavera???
com o vento frio que está e pra semana com chuva?!

abraço.

ta a correr tdo bem com o martim?
bjos p matilde

3:14 da tarde  
Blogger peace_love said...

tantos dias que há num ano e foram deixar tudo para ontem..:P

4:08 da tarde  
Blogger Moura ao Luar said...

A mim o que me tramou foi a parte do sono mesmo...

5:03 da tarde  
Blogger Nilson Barcelli said...

Sobre a descriminação racial, escrevi em 2005 um poema em que falava pela boca de uma menina pronta para a guerra.
Era assim:

I’m ready

Ainda criança,
Queria sentir
O mesmo que as outras crianças
Nas águas de sonhos
Melhores que os meus.

Ainda inocente,
Queria ouvir
As costureiras
Bordarem as asas dos anjos
Na verdade do cosmos.

Ainda pura,
Queria beber
Os dias sem mágoas,
Num faz de conta igual
Ao dos filhos felizes.

Queria,
Mas já não posso:
I’m ready.


Um abraço.

7:07 da tarde  
Blogger looking4good said...

Voltei aqui para homenegear as árvores, especialmente as velhas árvores (é que o tempo é inexorável e eu também vou caminhando para «velho»); por isso vais-me permitir que transcreva aqui o poema de Olavo Bilac:

Velhas árvores - Olavo Bilac

Olha estas velhas árvores, — mais belas,
Do que as árvores mais moças, mais amigas,
Tanto mais belas quanto mais antigas,
Vencedoras da idade e das procelas . . .

O homem, a fera e o inseto à sombra delas
Vivem livres de fomes e fadigas;
E em seus galhos abrigam-se as cantigas
E alegria das aves tagarelas . . .

Não choremos jamais a mocidade!
Envelheçamos rindo! envelheçamos
Como as árvores fortes envelhecem,

Na glória da alegria e da bondade
Agasalhando os pássaros nos ramos,
Dando sombra e consolo aos que padecem!

7:23 da tarde  
Blogger Cruzeiro said...

É muita comemoração junta para um dia só, acaba por não se dar a devida atenção a cada um dos assuntos.
Quanto ao mandar poesia, confesso que essa não é a minha área. ;-)
Beijinhos

7:53 da tarde  
Anonymous Ju said...

que linda foto!

11:34 da tarde  
Anonymous Ju said...

ah, e aqui no Brasil, começou o outono

11:35 da tarde  
Anonymous aninha-pontes said...

Linda poesia, acompanhada de uma fantástica fotografia.
Um beijo.

9:49 da manhã  
Blogger tonsdeazul said...

Foi um dia recheado de muitas efemérides! E eu gostei especialmente da foto que publicaste. É realmente muito bela.

11:13 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home